• Document: LISTA DE EXERCÍCIOS N. 2 (SELEÇÃO ADVERSA)
  • Size: 89.08 KB
  • Uploaded: 2019-02-13 23:44:04
  • Status: Successfully converted


Some snippets from your converted document:

1 UFRGS – DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA (PPGE/UFRGS) DISCIPLINA: TEORIA MICROECONÔMICA II PROF. GIACOMO BALBINOTTO NETO LISTA DE EXERCÍCIOS N. 2 (SELEÇÃO ADVERSA) 1- O que é um problema de seleção adversa? Quando surge um problema de seleção adversa? Em que situações ele é importante? 2- É dito que um mercado pode até mesmo não existir quando temos um problema de seleção adversa. Descreva um modelo simples de oferta e demanda e mostre como isto pode ocorrer? [dica: confira as notas de aula dos modelos de Pashigian (1998) e Furoboth e Richter (2000) – este último é particularmente recomendável , confiram!] 3- A seleção adversa refere-se a situações em que o tipo dos agentes não é observável, de modo que um lado do mercado tem que adivinhar o tipo ou a qualidade do produto com base no comportamento do outro lado do mercado. Nos mercado onde há seleção adversa, podem realizar-se muito poucas transações. Neste caso é possível que todos possam melhorar se forem forçados a transacionar. A que tipo se situação ou mercado tal princípio se aplicaria? Contudo você considera tal interferência do governo adequada no sentido de que violaria um direito de livre escolha do indivíduo, no sentido de que ele dever ter liberdade total sobre seus atos? 4 - Qual é a hipótese básica no modelo dos “limões” de Akerlof (1970)? No modelo dos limões, há somente um preço, mesmos que os produtos possuam qualidades diferentes. Por que isto ocorre? Como o preço afeta as quantidades negociadas dos bens de qualidade diferentes? 5 - Discuta o modelo de Akerlof (1970) com relação ao mercado de carros usados. Por que é improvável que ocorra um problema similar ao que ele discutiu para o mercado de carros novos? Discuta. 5- O problema da seleção adversa pode ser importante na venda de carros usados como demonstrou Akerlof (1970). Contudo eles seriam importantes em outros mercados, tais como o de aviões? [Confira o artigo de Gilligan (2004) – Lemons and Leases in the Used Business Aircract Market, Journal of Political Economy, v. 112 (5)]. 7 - Se você compra um carro novo e tenta vende-lo no primeiro ano, na realidade, pouco mês depois que você o comprou – o preço que você obtém é substancialmente menor do que o preço original. Utilize o modelo de limões de Akerlof (1970) para explicar por que isto ocorre? 2 8 - Para um dado nível de qualidade q, o valor reserva de um vendedor é q e o valor de um comprador é 1,5q. Os compradores são neutros ao risco e não conhecem q e não esperam que os proprietários dos carros de baixa qualidade (lemons) revelem a qualidade de q. A qualidade dos carros é uniformemente distribuída sobre o intervalo de 0 a 1. Visto que: 1 2 ∫ d dq = ½ (1 – 0) = 1/2 0 Na ausência de sinalização, todos os carros são vendidos ao mesmo preço p. Portanto, se q<p o vendedor irá colocar seu carro no mercado, recebendo o valor de p, o qual é mais alto do que o payoff de q, ficando com o carro. Se q > q, o vendedor não irá ofertar seu carro. Isto nos capacita a determinar a qualidade média de um carro usado num mercado quando os consumidores observam um preço p: para fazer isto, compute a função densidade para a distribuição f carros q, satisfazendo a condição de que 0 ≤ q ≤ p se f(q) =1. Portanto, a função densidade para 0 ≤ q ≤ p é f (q) dividida pela probabilidade de q caia entre 0 e p, e isto implica que: (1/p)f (q) = 1/p. Visto que: p p (1/p) ∫ f(q) dq = (1/p) ∫ dq = 1/p (p – 0) = 1 0 0 A qualidade média dos carros no mercado ao preço o é: Visto que: p 2 (1/p) ∫ d dq = 1/p [(1/p) – 0] = ( ½)p 0 O comprador neutro ao risco maximiza sua payoff esperado, e portanto, não haverá nenhuma venda a qualquer preço p, por que o payoff esperado do comprador será (1/2)p – p, um número negativo. Não haverá numa troca, mesmo que cada agente saiba que existe benefícios mutuamente benéficos para ambos. a) O que demonstra a situação acima? b) Quanto vale o carro para o vendedor e quanto valeria o carro para o comprador? c) Na ausência de uma sinalização da qualidade, por quanto o caros seria vendido? 3 9 - No modelo de Wilson (1979, 1980), consideramos que a função demanda por carros usados onde a quantidade de carros demandados depende do preço dos carros e da qualidade dos mesmos colocados no mercado (ofertados pelos proprietários). Além disso, a qualidade média dos carros no mercado depende dos preços, sendo que quando maiores forem os preços, maior será a qualidade dos carros oferecidos. Assi

Recently converted files (publicly available):