• Document: AMENIZAÇÃO DE ESTRESSE TÉRMICO VIA APLICAÇÃO DE BIOESTIMULANTE EM SEMENTES DE MELOEIRO CANTALOUPE
  • Size: 291 KB
  • Uploaded: 2018-10-19 12:06:39
  • Status: Successfully converted


Some snippets from your converted document:

Brazilian Journal of Biosystems Engineering v. 10(3): 241-247, 2016 AMENIZAÇÃO DE ESTRESSE TÉRMICO VIA APLICAÇÃO DE BIOESTIMULANTE EM SEMENTES DE MELOEIRO CANTALOUPE E. P. Vendruscolo*, A. P. B. Martins, L. F. C. Campos, A. Seleguini, M. M. dos Santos UFG - Univ Federal de Goiás, Escola de Agronomia, Goiânia, GO, Brasil Article history: Received 10 June 2016; Received in revised form 30 July 2016; Accepted 02 August 2016; Available online 29 September 2016. RESUMO Objetivou-se obter informações a respeito da utilização de bioestimulante sobre a amenização do estresse térmico na fase de germinação e desenvolvimento inicial do meloeiro Cantaloupe. O estudo foi desenvolvido em esquema de blocos inteiramente casualizado, em esquema fatorial 4x2, composto pelas doses de bioestimulante (0, 4, 8, e 12 mL L-1) e temperaturas (25°C e 40°C). Foi avaliada a taxa de germinação, o tempo médio de germinação, o índice de velocidade de germinação, o crescimento inicial das plântulas e a massa seca de parte aérea e raiz de plântulas. Observou-se que a taxa de germinação foi favorecida pelo aumento das doses de bioestimulante em ambas as temperaturas. No entanto, a temperatura de 40°C interfere negativamente no tempo médio e no índice de velocidade de germinação. Houve efeito positivo para a aplicação de bioestimulante apenas para sementes submetidas à temperatura de 40°C sobre o tempo médio de germinação e o índice de velocidade de germinação, enquanto que na temperatura de 25°C o bioestimulante prejudicou o tempo médio de germinação. Portanto, o bioestimulante pode ser utilizado para melhorar o desenvolvimento inicial do meloeiro em regiões que apresentem altas temperaturas. Palavras-chave: Cucumis melo L., reguladores vegetais, termoinibição THERMAL STRESS ALLEVIATION BY BIOSTIMULANT APPLICATION ON CANTALOUPE MELON SEEDS ABSTRACT It was aimed with this study obtain information on the use of biostimulant on the mitigation of heat stress in the germination phase and early development of muskmelon. The study was conducted in a randomized block design in a 4x2 factorial scheme composed by doses of biostimulant (0, 4, 8, and 12 mL L-1) and temperatures (25°C and 40°C). Were evaluated the germination rate, the average time of germination, germination speed index, the initial seedling growth and dry mass of shoot and root seedlings. It was observed that the germination rate was enhanced by increasing doses biostimulant at both temperatures. However, the temperature of 40°C impairs the average time and germination rate index. There was a positive effect for the biostimulant only for seeds subjected to 40°C on the average time of germination and germination speed index, while at 25°C the biostimulant hurt the average germination time. Therefore, the biostimulant can be used to improve the initial development of melons in regions with high temperatures. Keywords: Cucumis melo L., plant growth regulators, thermoinhibition * agrovendruscolo@gmail.com 241 Brazilian Journal of Biosystems Engineering v. 10(3): 241-247, 2016 INTRODUÇÃO O meloeiro (Cucumis melo L.) é uma constitui um importante foco de pesquisa, cucurbitácea com expressão no mercado tendo em vista a expansão das áreas interno e importante produto de cultivadas com espécies diversas, uso exportação. Segundo dados do Instituto incorreto do solo e de insumos agrícolas e Brasileiro Geografia e Estatística (IBGE, o comprometimento da produção de 2014), apenas no ano de 2014 o Brasil alimentos frente às alterações causadas produziu aproximadamente 590 mil pelo aquecimento global (MARENGO, toneladas em uma área de 22 mil hectares. 2014). Para tanto, produtos comerciais vêm A região Nordeste é destaque na sendo desenvolvidos a fim de possibilitar o produção de melões, responsável por mais melhor desenvolvimento de culturas em de 94% da produção nacional (IBGE, condições adversas. Os bioestimulantes 2014). A região é caracterizada pelas constam como opções a serem relevadas. elevadas taxas de radiação solar e altas A amenização de efeitos deletérios temperaturas em grande parte do ano. ligada a utilização de bioestimulante foi Portanto, tendo em vista a realização de observada para a cultura do milho pipoca semeadura diretamente a campo, atividade cultivado sob salinidade (OLIVEIRA et al., comumente realizada em cultivos 2016) e

Recently converted files (publicly available):