• Document: A PSICOPEDAGOGIA E A EDUCAÇÃO INCLUSIVA: SABERES PARA SUPERAÇÃO DAS DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM
  • Size: 384.86 KB
  • Uploaded: 2018-12-05 18:06:50
  • Status: Successfully converted


Some snippets from your converted document:

A PSICOPEDAGOGIA E A EDUCAÇÃO INCLUSIVA: SABERES PARA SUPERAÇÃO DAS DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM Maria Isabel Leandro da Silva Brito¹ 1. mariaisabel-19@hotmail.com Resumo Este artigo é o resultado de uma pesquisa bibliográfica, visando um estudo sistemático sobre a psicopedagogia e a educação inclusiva como uma proposta de superação das dificuldades de aprendizagem. Partindo do princípio que a educação inclusiva não é uma tendência e sim uma realidade que vem assegurar a todos uma igualdade de ensino e qualidade, e nesta tendência a psicopedagogia tem um importante papel que objetiva a assistência aos alunos que apresentam dificuldades no processo de aquisição do conhecimento, ou seja, no processo de aprendizagem. Este trabalho teve como objetivo realizar uma reflexão acerca da importância da psicopedagogia no processo de inclusão das pessoas com dificuldades de aprendizagem e contribuir para o conhecimento dos educadores na área psicopedagógica, e que vislumbram a superação das dificuldades enfrentadas por seus educandos em relação a aprendizagem, por meio de uma intervenção psicopedagógica. PALAVRAS-CHAVE: Educação Inclusiva, Psicopedagogia, Dificuldades de Aprendizagem. Abstract This article is the result of a literature search, aiming at a systematic study of the inclusive education and educational psychology as a proposal to overcome learning difficulties. Assuming that inclusive education is not a trend but a reality to ensure that everyone has an equal and quality education, educational psychology, and this trend has an important role that aims to assist students who have difficulties in the acquisition process knowledge, ie, in the learning process. This study aimed to perform a reflection about the importance of educational psychology in the process of inclusion of people with learning difficulties and contribute to the knowledge of educators in the area psychoeducational, and overlook the overcoming of the difficulties faced by their students about learning, by means of a psychoeducational intervention. KEYWORDS: Inclusive Education, Educational Psychology, Learning Difficulties. Introdução A educação inclusiva não foi uma proposta que surgiu por acaso, nem por modismo, surgiu da necessidade de se resgatar a educação como lugar do exercício da cidadania, garantia de direitos e o combate a qualquer forma de discriminação, mostrando que uma pessoa por qualquer que seja suas deficiências, limitações ou dificuldades de aprendizagem tem o seu direito como qualquer cidadão à educação. É sabido que para que se realize uma verdadeira inclusão são necessárias várias mudanças e quebras de paradigmas, no âmbito escolar o processo deve ser igual para todos e com qualidade, porém devem ser atendidas as especificidades e dificuldades de cada aluno, para Coll (1995) apud Beyer (2006, p.71) ensinar na educação inclusiva é “garantir que os alunos com necessidades educacionais especiais participem de uma programação tão normal quanto possível e tão específica quanto suas necessidades requeiram” e dessa forma atendendo a todos e cada um, Mantoan (2003, p.34), nos diz que: “Há diferenças e há igualdades – nem tudo deve ser igual, assim como nem tudo deve ser diferente”. E nesta proposta inclusiva a psicopedagogia tem um papel muito importante sendo responsável pelas questões da aprendizagem e das dificuldades que decorrem deste processo, a psicopedagogia surgiu da necessidade de integrar os conhecimentos da psicologia e da pedagogia, para compreensão dos processos de desenvolvimento da aprendizagem humana em todas as suas dimensões no espaço social e escolar. Como afirma Porto (2011, p.7). “A psicopedagogia tem como objeto de estudo a aprendizagem humana, que surgiu de uma demanda - as dificuldades de aprendizagem, colocada em um espaço pouco explorado, situado além dos limites da pedagogia e da psicologia”. Porém além da junção dos saberes pedagógicos e psicológicos, a psicopedagogia busca saberes em outras áreas como a linguística, a psicanálise, a sociologia, a filosofia, a neurologia entre outras, que se integram para formar novos saberes relacionados à questão das dificuldades da aprendizagem, dificuldades que se configuram como desafios para os educadores dentro do espaço escolar e a prática psicopedagógica apoiada nas bases teóricas sólidas das áreas já citadas, norteiam estratégias na tentativa de superação dos problemas que dificultam a aprendizagem dos educandos. Estes desafios se configuram em situações que são apresentados pelos alunos como: dificuldade de aprendizagem, o fracasso escolar que decorre das dificuldades de aprendizagem, e muitas vezes alunos com deficiências que precisam e devem ser incluídos no processo de aprendizagem, e incluir é na maioria das vezes um gr

Recently converted files (publicly available):